Publicidade

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Alimentados por moradores, jacarés aparecem em ruas no RJ

Animais estão ficando obesos e correm risco de extinção no município do Rio, afirma biólogo

© Carlo Allegri / Reuters
A Zona Oeste do Rio de Janeiro vem sofrendo com uma alta no número de jacarés que deixam seu habitat em busca de alimentos oferecidos por moradores. No Recreio, os animais chegam a caminhar em ruas e quintais de residências.

Os animais também se concentram no Canal das Tachas, no Complexo Lagunar de Jacarepaguá. Moradora da região, Maria de Fátima Barbosa, de 56 anos, disse que já encontrou mais de 14 jacarés no local. "Não sinto medo deles, mas não gosto quando as pessoas jogam comida, porque incentivam os animais a não saírem desse trecho", contou ela, em entrevista ao jornal O Globo.
A Secretaria municipal de Conservação e Meio Ambiente construiu uma estrutura de concreto de 741 metros em volta do canal para evitar, de forma provisória, a saída dos bichos do curso da água.
Apesar de aparecer com frequência em áreas habitadas por humanos, a espécie jacaré-de-papo-amarelo corre risco de extinção no município. Fatores como poluição, redução de seu habitat natural, excesso de animais machos e alimentação inadequada jogada por pessoas contribuem com o fato
"Nós vemos jacarés gordos, mas aquilo não é uma gordura saudável. Muitas vezes, há um estufamento dos órgãos. As pessoas pensam que estão ajudando os animais ao jogarem alimentos. Mas, na verdade, estão matando. Não é legal alimentar os bichos, seja com filé mignon ou com biscoito", explicou o biólogo Ricardo Filho.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb