Publicidade

Postagem em destaque

Quase 40% dos consumidores devem comprar na Black Friday, diz pesquisa

Segundo o levantamento, que ouviu 1.616 pessoas nas 27 capitais brasileiras, 39% dos consultados planejam fazer compras durante a promoção ...

terça-feira, 11 de julho de 2017

Aniquilação biológica: extinção em massa da terra está acontecendo

Os resultados, segundo os pesquisadores, são alarmantes

© DR
Um novo estudo concluiu que bilhões de mamíferos, aves, répteis e anfíbios desapareceram em todo o mundo desde o início do século XX. O resultado aponta que já que está em curso a sexta extinção em massa do planeta terra.

De acordo com o Público, o estudo publicado no PNAS foi conduzido pelos mexicanos Gerardo Ceballos, Paul R. Ehrlich e Rodolfo Dirz. Os investigadores estudaram a redução das populações em espécies existentes, raras e comuns, em vez de analisarem o número de espécies extintas ou em perigo de extinção, processo normalmente utilizado para se perceber a magnitude do problema.
Em concreto, verificaram a situação de 27.600 espécies de vertebrados terrestres – entre aves, répteis, anfíbios e mamíferos – desde o ano 1900.
Os resultados, segundo os autores, são alarmantes: um terço das espécies (8851) já não está presente na maior parte do seu território original. Além disso, se descobriu que muitas populações regionais e locais desapareceram completamente. Ou seja, quase todas as espécies estudadas perderam população ou se extinguiram localmente.
“A aniquilação biológica resultante terá, obviamente, sérias consequências ecológicas, económicas e sociais. A humanidade acabará por pagar um preço muito alto pela diminuição do único conjunto de vida que conhecemos no Universo”, dizem os autores, utilizando expressões mais fortes do que é normal. “A situação tornou-se tão má que não seria ético não usar linguagem forte”, explica Gerardo Ceballos, citado pelo Guardian.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado. Infonavweb