Publicidade

Postagem em destaque

Sob pressão, Temer recua e decide revogar extinção da Renca

Decisão deve ser anunciada nesta segunda-feira (25) pelo ministro de Minas e Energia, Bezerra Coelho © Reuters Sob críticas de enti...

domingo, 9 de julho de 2017

Boleto vencido acima de R$ 50 mil será aceito em qualquer banco

A partir de 11 de dezembro, boletos vencidos de todos os valores passarão a ser aceitos em qualquer agência

© Tomaz Silva/Agência Brasil
Contas atrasadas poderão ser pagas em qualquer banco a partir desta segunda (10). No começo, a facilidade valerá apenas para boletos com valor acima de R$ 50 mil, segundo a Febraban (federação dos bancos).
Quem tiver de pagar valores mais modestos, entre R$ 500 e R$ 2.000, só poderá quitá-los em sua instituição de preferência a partir outubro.
O pagamento de contas atrasadas em qualquer banco é uma facilidade para o consumidor da chamada Nova Plataforma de Cobranças, ferramenta desenvolvida pelos bancos para diminuir o número de fraudes cometidas com boletos.
O sistema deveria ter entrado no ar em março, o lançamento foi adiado por uma decisão dos bancos.
Segundo a Febraban, são emitidos 3,5 bilhões de documentos por ano. Com a plataforma, todos os documentos serão registrados na hora da emissão. Ao pagar o débito, o banco consultará essa base para conferir se as informações estão corretas.
Se os dados da fatura que estiver sendo paga coincidirem com os do sistema, a operação é validada. Se houver divergência de informações, o pagamento não será autorizado e o consumidor poderá realizar o pagamento exclusivamente no banco que emitiu a cobrança.
O comprovante de pagamento também será mais completo, com informações de juros, multa ou descontos aplicados sobre o valor da cobrança. Não entram na plataforma contas de consumo (como luz e água) nem tributos (IPTU e IPVA).Os bancos devem convidar todos os emissores de boletos a entrar no cadastro de registro. O serviço é cobrado e poderá ter um preço mais alto, a depender da negociação que a empresa fizer.
Um dos argumentos dos bancos para a criação dessa plataforma é a possibilidade de diminuir o risco de fraudes. Como os dados precisam obrigatoriamente bater, o golpe que adultera código de barras para que um fraudador receba o dinheiro fica mais difícil.
Em 2014, a Polícia Federal e o FBI descobriram uma quadrilha internacional que contaminava computadores com vírus para que, na emissão do boleto, o código fosse alterado, e o dinheiro, desviado. Esse tipo de golpe deixaria de existir com a plataforma.
COMO FICOU O CRONOGRAMA
Em 10.jul
Boletos acima de R$ 50 mil
11.set
Entre R$ 2.000 e R$ 49.999,99
9.out
Entre R$ 500 a R$ 1.999,99
13.nov
Entre R$ 499,99 e R$ 200
11.dez
Boletos de menos de R$ 200
(Folhapress)
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb