Publicidade

terça-feira, 18 de julho de 2017

Desembargador que soltou Geddel recebe ameaças de morte

As mensagens chegaram após a decisão sobre o ex-ministro de Michel Temer

© Reprodução
O desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região Ney Bello, responsável por autorizar Geddel Vieira Lima a cumprir prisão domiciliar, passou a receber ameaças de morte nas redes sociais.



De acordo com a coluna Radar Online, da revista Veja, as mensagens chegaram após a decisão sobre o ex-ministro de Michel Temer.
“Você soltou Geddel, seu FDP, porque sua mãe não precisa do SUS. Quando sua família começar a morrer, você prende ele”, diz uma das mensagens. “Você e seus amigos vagabundos merecem ser queimados em praça pública”, escreveu outro. “Seu juiz capacho do PMDB. Direita nojenta que merece morrer. Condenar Lula vocês sabem, mas prender um vagabundo, ladrão, não. Deveriam morrer”.
Bello autorizou a saída de Geddel do Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, mesmo sem tornozeleira eletrônica.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb