Publicidade

sábado, 15 de julho de 2017

Em troca de delação, PGR oferece imunidade à família de Cunha

O ex-deputado se encontra preso, no Complexo Médico-Penal de Pinhais, em Curitiba, acusado nos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas

© Reuters / Adriano Machado
A Procuradoria-Geral da República (PGR) aceitou oferecer imunidade para a esposa e as filhas do ex-deputado Eduardo Cunha em troca de uma delação premiada. De acordo com a revista Época, o gesto seria um sinal de que a negociação é baseada em boa-fé por parte da PGR. 

Porém, mesmo que aceite a proposta, Cunha ainda terá que cumprir uma boa parte de sua pena em regime fechado. 
Cunha compareceu, nesta sexta-feira (14), na sede da Polícia Federal de Curitiba para prestar depoimento no âmbito da Operação Cui Bono, que apura desvios na Caixa Econômica Federal. Ele, porém, se manteve calado durante todo o tempo. 
O ex-deputado se encontra preso, no Complexo Médico-Penal de Pinhais, em Curitiba, acusado nos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.
Via...Notícias ao Minuto


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb