Publicidade

Postagem em destaque

Pedro Corrêa diz que Cunha era 'máquina de arrecadar dinheiro'

Vídeos da delação de Pedro Corrêa foram divulgados no site da Câmara dos Deputados © Reuters O ex-deputado Pedro Corrêa, que foi lí...

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Infidelidade: 5 'verdades absolutas' desmistificadas

Uma vez traidor, sempre traidor? Nem sempre

© DR
Todo mundo tem suas teorias sobre como as pessoas traem e porque são infiéis, mas por trás dessas ‘verdades universais’ podem estar grandes preconceitos muito distantes da realidade.

Scott Haltzman, professor de psiquiatria da Brown University de Providence, diz, num artigo publicado na plataforma Askmen, que boa parte das suposições relacionadas à infidelidade são apenas senso-comum.

Com base na teoria deste especialista, o El Confidencial revela as cinco ‘verdades absolutas’ sobre a infidelidade que devem ser desmistificadas: 
1. Depois de uma traição, o casal nunca mais voltará a ser feliz. Um verdade pouco conhecida é que há relações que conseguem se recuperar das traições. A questão é que os familiares e amigos só conhecem os casos dos casais que se separam, não daqueles que decidem ultrapassar a traição. Esta é uma informação que permanece na intimidade do casal, por receio de represálias e críticas. Scott Haltzman diz que no caso dos casamentos, mais da metade consegue sobreviver a estas situações.
2. Uma traição revela sempre problemas graves na relação. Sim, a traição pode muitas vezes ser uma forma de fugir dos problemas emocionais, no entanto, uma relação sexual fora do casamento também pode ter como motivação pura e simplesmente sexual. Muitas pessoas separam muito bem a sexualidade do amor, sentindo-se sexualmente atraídas por outras pessoas, sem implicações emocionais pelo meio.
3. Se não há sexo, não é traição. A relação sexual é de fato a prova mais tangível de que houve uma traição, no entanto, há muitas infidelidades que sucedem através de uma ligação emocional. “Quando oferece uma parte emocional a alguém com quem poderia trair o seu parceiro, isso é infidelidade”.
4. A culpa é das dificuldades. Absolutamente todas as relações passam por dificuldades em algum momento. Os vínculos entre as pessoas são bem mais frágeis do que se pensa, por isso o sucesso não depende de os problemas não surgirem, mas sim de o casal conseguir superá-los. Ter problemas na relação não justifica uma infidelidade. Se há problemas, devem ser resolvidos.
5. Uma vez infiel, traidor para sempre. Apesar de esta velha máxima até poder ser verdade em alguns casos, qualquer pessoa pode ser infiel e há muitas pessoas que só são uma única vez.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado. Infonavweb