Publicidade

Postagem em destaque

Criptomoedas estão sendo usadas em esquemas de pirâmide, diz promotor

"Moedas virtuais do jeito que estão hoje com essa subida vertiginosa, onde não há lastro, não há ninguém para regular", diz espec...

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Justiça do Rio decreta prisão de acusado de matar PM na Mangueira

O policial foi alvejado, junto com outro colega, durante um ataque de criminosos armados na comunidade da Mangueira, na zona norte da cidade, na última segunda-feira (17)

© DR
O Plantão Judiciário do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) decretou hoje (20) a prisão temporária, por 30 dias, de José Carlos Moreira da Silva Júnior, acusado de matar o cabo da Polícia Militar do Rio de Janeiro Bruno dos Santos Leonardo. O policial foi alvejado, junto com outro colega, durante um ataque de criminosos armados na comunidade da Mangueira, na zona norte da cidade, na última segunda-feira (17).

Durante o ataque, o soldado da PM Luís Cláudio Stelmann dos Santos Júnior também foi ferido e está internado no Hospital Central da PM.
O pedido da prisão foi feito pelo Ministério Público, com base em investigações da Delegacia de Homicídios, que aponta José Carlos como o homem que fez disparos contra a guarnição da PM na comunidade. A prisão foi decretada pela juíza Maria Izabel Pena Pieranti. Com informações da Agência Brasil.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado. Infonavweb