Publicidade

sábado, 1 de julho de 2017

Maia não segue pressão do Planalto e incomoda Temer

Será o início do distanciamento entre o presidente da Câmara dos Deputados e o presidente da República?

© Ueslei Marcelino / Reuters
A crise no governo de Michel Temer está longe do fim. O presidente da Câmara dos Deputados recebeu um prazo de 10 dias para explicar porque não analisou os pedidos de impeachment contra Temer. Os deputados da oposição aguardam há mais de 40 dias que Maia dê um despacho sobre o processo.



Além disso, o presidente da Câmara não aceitou a pressão do Planalto para que a Câmara vote as denúncias contra Michel Temer simultaneamente. Maia parece que deu o primeiro sinal de que se distanciará do presidente, refere a coluna Expresso, da revista Época.
A atitude não agradou ao presidente e a Moreira Franco. Segundo a publica, Maia estaria sonhando com a Presidência da República.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb