Publicidade

Postagem em destaque

Anticorpo 'três em um' protege macacos contra HIV, aponta estudo

Pesquisa apresenta resultados satisfatórios e será testada em humanos © iStock Um estudo realizado em uma parceria entre o laboratório S...

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Mitos e verdades: 5 dicas para limpar de maneira correta os óculos

Especialista esclarece as principais dúvidas em relação a higienização das lentes

© iStock
De grau ou escuros, os óculos necessitam de cuidados diários para se manterem bem conservados. Isto porque, extremamente delicados, eles exigem não apenas o manuseio zeloso, mas, principalmente, a limpeza adequada que prolongue a vida útil do acessório.

Por isso, para evitar arranhões nas lentes, a parte mais sensível dos óculos, algumas precauções devem ser seguidas na hora de higienização. “O primeiro passo é lavar bem as mãos com água corrente e um sabonete líquido ou em barra de boa qualidade, deixando a pele livre da sujeira ou produtos como cremes hidratantes, óleos ou outras substâncias que possam ser repassadas ao objeto”, explica Leandro Escudeiro, gerente de Marketing e Produto da Óticas Diniz – maior rede de varejo óptico do Brasil.

Ainda de acordo com o Escudeiro, o passo seguinte é lavar o acessório cuidadosamente com água corrente, num fluxo constante e suave, sem esfregar. “A ducha da torneira mesmo vai remover a poeira e os demais resíduos, evitando riscos nas lentes. Por isso, não é recomendável o uso de água quente, pois o revestimento de alguns modelos de armações pode ser modificado nesse processo devido a alta temperatura”, afirma.
Abaixo, o especialista da Óticas Diniz esclarece as principais curiosidades sobre a limpeza correta dos óculos:
1. Não pode lavar com água
Mito. Deixe o álcool e a acetona de lado, pois são produtos gordurosos que contém substâncias químicas que podem danificar as lentes. O melhor jeito de eliminar todas as impurezas é com água corrente, e de preferência gelada, e utilizar sabão ou sabonete neutros.
2. As mãos devem estar limpas
Verdade. Aliadas da água na hora da higienização, é preciso estar atento que as mãos estejam limpas, sem cremes ou óleos. O ideal é sempre lavá-las antes com um sabonete neutro e secar com uma toalha lisa, sem fiapos, ou com papel ultramacio.
3. Roupas ajudam a eliminar a sujeira
Mito. Os fiapos de roupas, seja a barra de uma camiseta, manga da camisa ou da calça, podem causar danos permanentes nas lentes dos óculos. Por isso, utilize sempre a flanela para eliminar a sujeira superficial das lentes e não riscá-las.
4. Lencinho é suficiente para limpar os óculos
Verdade. As flanelas que acompanham o acessório no momento da compra são suficientes para realizar uma limpeza mais superficial nas lentes, principalmente em casos de marcas de dedos ou de pequenas sujeiras. O lenço deve ser armazenado sempre dentro da caixinha para evitar que fiquei empoeirado rapidamente.
5. Não precisa higienizar sempre os óculos
Mito. O objeto deve ser limpo diariamente, não apenas as lentes, mas, também, as plaquetas (suporte para o nariz) e as extremidades da orelha, pois a área do rosto acumula muita poeira e óleos naturais que a própria pele produz. Daí a higienização deve ser feita regularmente.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb