Publicidade

Postagem em destaque

Pré-votação de denúncia, Temer garante mais R$ 800 milhões em emendas

Valor empenhado em outubro é 314% maior que o liberado no mesmo período do ano passado © Reuters Prestes a passar pela segunda votaçã...

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Palocci tem pedido de liberdade negado pela 2ª instância da Lava Jato

Ex-ministro foi condenado a 12 anos, 2 meses e 20 dias de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

© DR
O ex-ministro Antonio Palocci teve o pedido de liberdade rejeitado pela Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), responsável pela segunda instância da Operação Lava Jato, nesta terça-feira (4). As informações são do G1.

Atualmente preso em Curitiba, Palocci foi condenado a 12 anos, 2 meses e 20 dias de reclusão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro pelo juiz federal Sergio Moro.
A defesa do ex-ministro alegou que não havia mativos para a decretação da prisão preventiva do petista e que a medida foi uma "antecipação da pena".
Em sua decisão, o desembargador João Pedro Gebran retrucou que outros pedidos de habeas corpus de Palocci já foram negou e citou como exemplo a decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), de maio deste ano.
"Ao menos no que interessa ao exame do pedido liminar, a questão restou superada por este Tribunal e pela Corte Superior, tendo ambas assentado que a decisão que decretou a prisão preventiva do paciente está devidamente fundamentada e dela não se extrai flagrante ilegalidade", diz a decisão de Gebran.
A defesa do ex-ministro afirma que vai recorrer da sentença imposta por Moro.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado. Infonavweb