Publicidade

sábado, 15 de julho de 2017

PGR descobre contas secretas de operador de Renan no Panamá

Investigadores chegaram à informação após acordo com o país

© Agência PT / Lula Marques
Acordo firmado entre a Procuradoria-Geral da República e o Panamá levou os investigadores da Lava Jato à informação de que um dos principais operadores do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), cujo nome ainda não foi divulgado, tem quatro contas secretas naquele país.

De acordo com informações da coluna Expresso, na revista Época, o dinheiro depositado nessas contas seria ilegal. Os membros da força-tarefa acreditam se tratar de recursos conseguidos por meio de propina.
Durante os desdobramentos da operação, o senador sempre esteve na mira dos procuradores, mas não houve, até o momento, provas cabais contra ele.
Nos últimos meses, Calheiros tem protagonizado grandes embates com o governo. Embora líder do PMDB, o senador não poupou críticas às reformas defendidas pelo presidente Michel Temer.
O mau-estar terminou com o afastamento do senador, no último dia 28, da liderança do partido. Segundo Calheiros, a decisão foi tomada por ele não concordar com as reformas, e para poder se posicionar de forma independente contra elas.
"Convencido de que o problema para o governo é o líder do PMDB, sou eu, me afasto da liderança para expressar meu pensamento e exercer minha função com total independência”, disse.
Na semana passada, em vídeo postado no Twitter e Facebook, o senador voltou a atacar o governo e elencou alguns erros que, na opinião dele, levarão Temer a ser o "refundador do caos".
"A ameaça de pagar o seguro desemprego com o FGTS, o Fies com o Fundo Constitucional; a falta de dinheiro para reajustar o Bolsa Família; e a Polícia Federal e Rodoviária Federal sem recursos para serviços básicos demonstram que o governo Temer, mesmo badalado pelo mercado, vai aprofundar o abismo", criticou o senador. "Ele conseguirá a proeza de ser o refundador do caos", completou.
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb