Publicidade

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Polícia divulga suspeitos de matar travesti por conta de sua beleza

Jovem foi esfaqueada dentro de armazém dos correios e acabou morrendo no local

© DR
Ágatha Lios, uma travesti de 22 anos, foi violentamente assassinada por outras quatro travestis, em Taguatinga Sul, no Distrito Federal. O crime aconteceu em janeiro deste ano, mas só agora foram identificados os suspeitos.


video

O crime teria sido motivado por inveja da beleza da jovem, que era considerada mais bonita e chamava mais atenção dos clientes que pagavam por serviços sexuais.
De acordo com o "R7", que divulgou imagens do momento do homicídio, a jovem notou o intuito das colegas e resolveu se esconder dentro de um armazém dos correios. As câmeras mostram outras quatro travestis perseguindo-a. Os funcionários dos correios presenciaram a cena e não reagiram em favor de Ágata.
A jovem foi esfaqueada várias vezes e acabou morrendo no local.
A polícia já identificou as quatro travestis suspeitas mas, até o momento, ninguém foi detido.
Via...Noticias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.
Solicitamos não incluir hiperligações (links) ou qualquer código HTML;
comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos.
Muito obrigado. Infonavweb