Publicidade

Postagem em destaque

Criptomoedas estão sendo usadas em esquemas de pirâmide, diz promotor

"Moedas virtuais do jeito que estão hoje com essa subida vertiginosa, onde não há lastro, não há ninguém para regular", diz espec...

sábado, 5 de agosto de 2017

Dois morrem e 18 são presos em operação das Forças Armadas no Rio

Mais de 3.500 homens participam da Operação Onerat, que tem o objetivo de combater o roubo de cargas e o tráfico de drogas na cidade

© Agência Brasil
Dois homens morreram e outros 18 foram presos na manhã deste sábado (5) em uma grande operação das Forças Armadas no Rio. Outros dois adolescentes foram presos e 16 carros apreendidos. Os dados foram anunciados no primeiro balanço feito pelos comandantes da operação. Os envolvidos na ação apreenderam também três pistolas e duas granadas até agora.
Mais de 3.500 homens participam da Operação Onerat, que tem o objetivo de combater o roubo de cargas e o tráfico de drogas na cidade. Eles atuam em diversas comunidades, como os Complexos do Lins e Camarista Méier, na zona norte.
A coordenação da Onerat -carga, em latim- é feita pela Secretaria de Estado de Segurança do Estado (Seseg), por meio da ação das polícias Civil e Militar, com o apoio do Comando Militar do Leste (Exército, Marinha e Aeronáutica), da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e da Força Nacional de Segurança Pública.Por causa da operação integrada das forças de segurança, a avenida Grajaú-Jacarepaguá está fechada para o trânsito de veículos nos dois sentidos.
Desde o dia 28 de julho, 10 mil homens das Forças Armadas, Polícia Rodoviária Federal e Força Nacional reforçam a segurança do Rio. Num primeiro momento, militares com tanques de guerra e armamento pesado se fizeram notar pela população com presença ostensiva nas ruas.
"Estamos empenhados com a nossa capacidade máxima em colaborar com o Estado do Rio de Janeiro, com a Secretaria de Segurança Pública", destacou o secretário nacional de segurança, o general Carlos Alberto Santos Cruz. Com informações da Folhapress. 
Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado. Infonavweb